Uma lésbica se descobrindo bissexual

Publicado: 17 de março de 2013 em Bissexualidade feminina, Mundo LGBT
Tags:, , , , , , , , , ,

SONY DSCTenho uma amiga que conheço há anos. Ela sempre se considerou lésbica e seus namoros foram sempre com mulheres. As paixões de verão (e de todas as outras estações) também eram exclusividade da ala feminina. De vez em quando ela até beijava alguns homens, mas por pura diversão.

Ela sempre contou de um ex-namorado de infância. Dizia que eles eram muito amigos e ele era uma pessoa especial. Sempre que ele terminava o namoro, eles conversavam e às vezes ficavam. Mas nunca rolou sentimento, pelo menos da parte dela. Até agora.

Recentemente, ela disse que pela primeira vez na vida estava confusa. Mais uma vez o ex dela terminou o namoro e eles se viram. Também pela primeira vez ela contou a ele que gostava de mulher. Ele aceitou e disse que não via problema nenhum nisso. Essa confissão os fez se unirem ainda mais e saírem juntos até pra balada GLS.

Ele confidenciou a ela que ainda tinha sentimentos e acreditava que poderiam ficar juntos. Ela está confusa até agora e não sabe mais o que gosta e quem ela é. Depois que terminou esse namoro de infância, ela se descobriu lésbica e nunca imaginou que poderia voltar a se envolver com um homem.

Conversamos e disse que ela poderia ser bissexual. Ela respondeu que preferia não se rotular. Concordei, é mais fácil, apesar de saber que na prática acaba sendo bissexualidade mesmo.

Esse tipo de situação, em que uma lésbica se descobre bissexual é mais difícil acontecer, pelo menos de acordo com os relatos que costumo receber. Geralmente é ao contrário.

O mais interessante disso tudo é perceber que estamos em constante fase de transição. Nunca sabemos o que podemos sentir no futuro e muitas vezes nem sabemos direito o que sentimentos no presente. O mais importante é não reprimir esses desejos e vivê-los da melhor forma possível.

Conto pra vocês nos próximos posts o que aconteceu com minha amiga.

Anúncios
comentários
  1. Joana disse:

    Oi Amanda 🙂 Tudo bem? Realmente também nunca ouvi relatos assim mas concordo contigo, acima de tudo o que eu acho importante é sermos felizes e sermos sinceras connosco próprias, com os nossos sentimentos, não colocarmos barreiras que não necessitam existir. Para que complicar? O nosso maior adversários somos nós próprios, sempre.

  2. Dany disse:

    É dificil, mas acontece, e por ser dificil eu imaino que haja varias mulheres lésbicas q sentem vontade de se relacionar com homens tambem, mas omitem e se dizem total lesbicas, por medo de “ficar mal” com as outras lésbicas q tem preconceito cm bi, até pq essas mesmas q sentem atração velada por homens tb podem ter criticado e discriminado bi, e uma vez q digam a verdade sobre seus sentimentos por ambos, acham q vai parecer q “mentiram” ou q estão se contradizendo… fora as q dizem q fica com mulher só por “diversão”, desculpoa mais velha q a minha vó, mas essas desculpas ajudam a bissexualidade a perder credibilidade pros ing}enuos q acreditam nelas. Essa de dizer q fica com mulher ou com homem por diversão é quase o mesmo q dizer “gosto, mas não tenho coragem de admitir só pq eu curto beijar, mas não me apaixonei ainda, entao encaro isso como diversão”. Sempre achei suspeito essas menians q beijm mulher só por zoeira ou pq estavam bêbadas, e essas q dizem “homem só pra sexo e amassos… e é um ou outro q acho bonito…” sei não… na minha opinião, são bissexuais q não querem se assumir como tal, ou por preconceioto de gostar dos 2, ou por particularidades, tipo, não quer assumir desejo por mulher por medo do preconceito alheio ou pq a pessoa se acha estranha por gostar de mulheres e no caso das q falam de homem com restirção, ou é medo de preconceito das lesbicas ou tem medo de se envolver com homem e sofrer decepção por causa do jeito deles e do machismo. Enfim, cada um tem seus motivos e eu os respeito. E no meio disso tem muita bi q prefere se assumir como lésbica por causa de uma dessas coisas q citei ou pq realmente sente m ais atração por mulheres independente dessas razões citadas. Alem do mais, se assumir como bi implica em cobranças, julgamentos e forçações de barra pra uqem n aceita o lado homoafetivo da pessoa querer que ela “volte as origens” (com todas as aspas do mundo)

  3. T. disse:

    Já ouvi falar de lésbicas que preferem assistir “vídeos” de gays ao invés dos lésbicos. Achei muito estranho…

  4. Lucas disse:

    Também passei por uma transição difícil: De gay pra bi; de bi pra hétero. Mas o trejeito de gay não mudou tanta coisa, pois convivo sempre com garotas, querendo ou não.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s