Os pais dificultam a aceitação da bissexualidade

Publicado: 19 de outubro de 2012 em Bissexualidade feminina, Bissexualidade masculina
Tags:, , , , , , , , , , ,

Recebo diariamente relatos de pessoas que são expulsas de casa ou abandonam o parceiro do mesmo sexo por conta dos pais. A mão ou o pai dessas pessoas, geralmente receberam uma criação tradicional em que sempre reinou o preconceito sobre o assunto.

Eles fazem o bissexual ou o homossexual acreditarem que o que estão fazendo é errado. E os forçam a agirem do jeito deles. Eles esquecem que também tiveram seus desejos na vida e sabem que fariam de tudo para realizá–los. Muitos pais não querem ver o filho realmente feliz, eles querem escolher a melhor felicidade para ele.

Os pais não sabem o quanto seria importante aceitarem um filho bi ou homossexual. Esse comportamento pode mudar tudo na vida de uma pessoa. Proibições, expulsar de casa, xingamentos não são demonstrações de pais que querem realmente o bem para os seus filhos. Eles nem ao menos tentam entender esse sentimento. A reação de alguns a esse assunto é muito parecida com a de pais que descobrem o filho usando drogas. É uma grande decepção. Isso porque eles não entendem que isso não é errado, que isso faz bem e que só estamos respondendo aos nossos desejos mais sinceros.

A minha mãe é um exemplo para todos esses pais. Ela faz eu me sentir bem em relação a tudo isso. Esses dias, eu e minha namorada fizemos aniversário de namoro. No telefone com minha mãe, contei que estávamos indo a um restaurante para comemorar. Ela se emocionou, quase chorou. Disse que estava muito feliz por nós, que éramos um casal muito bonito e disse uma frase que nunca vou esquecer: “Não se incomode se os outros falarem de você, sempre procure ser feliz e não desista nunca disso.”

Acho que todos os pais deveriam concordar com ela.

Anúncios
comentários
  1. Juliana Menezes disse:

    Nossa!!!Que legal a relação que você tem com sua mãe! =D

    Todas as mães deveriam ser assim! =)

    beijos

  2. Erica disse:

    Sua mãe deve ser tão linda quanto você. Te digo que eu sou mãe e serei assim. Beijo

  3. Erica disse:

    Amanda, então tô curiosa. Ela já desconfiava? Como foi quando você contou pra ela?

  4. Denise disse:

    Eu também tenho uma mãe que me entende e me respeita, graças a Deus!

  5. Maria Lúcia disse:

    Amanda se minha mãe fosse como a sua,eu já tinha contado a ela que eu sou Bi.

  6. Camila disse:

    Esse é o meu maior medo…
    Não me importo com o julgamento das outras pessoas, só não me assumi até hoje por medo da reação da minha mãe, eu acho que ela meio que desconfia, pois, de vez em quando ela faz uns comentários que deixam bem claro que ela não gosta muito da ideia. Mas estou me preparando para contar pra ela, e realmente espero que ela me aceite.

  7. Dany disse:

    Minha mãe aceitava e ela mesma se oferecia pra dar carona pra minha ex quando saíamos e no dia q eu a levei na casa da minha vó! Eu cheguei a perguntar a ela se podiamos trocar selinhos ou uns beijos sutis dentro do carro, ela havia liberado e disse”melhor beijar no caror do q em lugares perigosos” pq o q a preocupa é q fôssemos alvos de skinheads. Meu pai foi a primeira pessoa q me convidou pra parada gay, só q na epoca EU quem não quis ir, pq tinha medo do tumulto!! Porém 2 anos depois eu aceitie e acreditem, foi a melhor parada da minha vida!! Eu super me identifiquei, foi super tranquilo, ficamos em um local q deu pra ver tudo sem bagunça, na primeira q fui, e até me emocionei!! Espero q algum dia eu possa voltar com meu pai, e quem sabe, levar a minha melhor amiga junto!!

  8. Dany disse:

    Talvez o segredo seja ser natural e contar quando pintar o real sentimento ou quando vc já estiver em um relacionamento. Vc ñão precisa por em um alto falante, mas tambem não precisa ficar escondendo. Vc usa metáforas, usa frases discretas, seus pais entendem do q se trata. Digo isso por experiencia propria.

  9. OI,sou bi e ja tive um relacionamento a tres,foi perfeito,mas agora que me separei dela estou a procura de outra companheira.Sei como é dificil contar para a familia e enfrentar o preconceito.

    ninha.cris.soares@hotmail.com bjus :*

  10. Karla disse:

    Eu gostaria muito de falar com a dona desse blog, estou com a minha cabeça confusa em relação a isso e gostaria muito de uma pessoa que entende do assunto e que possa me ajudar. Por favor çç

    • blogsoubi disse:

      Karla, tudo bem? Qual é o problema? Contr tudo… Não só eu, mas todos por aqui também podem te ajudar ou pelo menos te aliviar. Abs!

      • Karla disse:

        Bem, eu conheci uma garota e comecei a gostar dela de um jeito diferente, e eu estou meia assustada com tudo isso, eu nunca fiquei com uma menina na minha vida, e ela também não, o clima as vezes fica meio tenso entre a gente sabe ? Tem horas que ela tipo da a entender que quer ficar comigo, outras que só quer minha amizade, e tem horas que ela deixa muito vago. Eu estou apaixonada por ela, mas consigo te-la somente como amiga, tenho medo de me aprofundar nisso e não dar certo, me decepcionar, sei lá. Estou muito confusa, não sei o que pensar, o que fazer, nem que decisão tomar. Como citei, nunca tinha sentido isso por uma mulher só por homens, então isso ta sendo muuuuuito estranho. Eu acho que até ficou confuso, porém a história é longa, resumi ao máximo que pude. Enfim, se alguém puder me ajudar, eu super agradeço

  11. Dany disse:

    Os pais dificultam pq NÃO SAO GAYS!! Pq se todo mundo fose gay, se seu cachorrofossegay, seu pagaio, sua arara, seu gato e até seu rato deestimação e seu ursinho de pelúcia fossem gay´pa, todos aceitariam ias facil, kkk! Mas a real é q MUITOS da fauna sao homoafetivos mas muita gente não sabe!! Falta de informação é “florida”!!! Desculpem pelo meumomento idiota, mas é muito senso de humor pra uma pessoa só!!!

  12. claudia.cp disse:

    Eu acredito que vai de costumes para costumes dos pais! Por exemplo o meu pai ja e 60tao e diz que o homem foi feito pra estar com a mulher e vice versa, ja a minha mae, 40tona, diz que nao se importa, mas tem um bocado de preconceito..o meu pai ja e muito preconceitoso, se vir duas mulheres a darem um beijo, ja diz que é uma vergonha etc etc…por isso digo que vai dos costumes! Para as pessoas com mais idade é um problema ver 2 mulheres ou 2 homens tendo uma relacao..beijos kkkk

  13. Nana disse:

    Oi Karla, se uma questão de sentimento creio que vc vai ter q conversar abertamente com sua amiga, se ela se afastar talvez seja melhor do q vc ficar sofrendo balada… Mas vc tem q pensar também se vc sente uma atração física real… Eu fiquei pela 1 vez com uma mulher a poucos dias, ela é L I N D A e super legal, mas não senti nada por ela, foi muito estranho, constrangedor até porq ela é ativa, e achou q não estava conseguindo me agradar… Mas o problema era comigo, pra mim era como se eu não estivesse vivendo aquilo, ela fazia de tudo mas meu corpo não reagia…

    • Karla disse:

      Realmente, acho que você tem razão e eu preciso ver meus sentimentos também, até porque nunca fiquei com uma menina antes, então tenho medo de sei lá, acontecer o mesmo que ocorreu com você sabe, ficar uma coisa constrangedora, porque ela é uma ótima amiga, não gostaria de perder a amizade dela. Mas, valeu pela dica, eu vou pensar bem sobre meus sentimentos antes de tomar qualquer atitude. Origadaaa.

    • Dany disse:

      Esse é o problema das ativas… se acharem q não conseguem te agradar, elas mudam com vc.

    • Dany disse:

      Mas vc se considera ativa, relativa.. ou foi coim ELA q seu corpo não reagia??

  14. GI... disse:

    Ola meninas…qto tempo heim…bom isso é algo mto complexo.Minha mae era mais tranquila q meu pai…esse nem sonha que a filhinha dele gosta de mulher. mas depois que contei pra minha mae…ai o bicho pegou e tdo o preconceito camuflado dela veio a tona…Ela diz que mae nenhuma poe filho no mundo pra ser gay…na verdade o problema todo se resume em medo…é medo…os pais tem mto medo dos seus filhos sofrerem preconceito…agressoes enfim…é mais facil dizer que isso é errado e que eles não apoiam…Do que dar tdo apoio e acontecer algo com seus filhos.
    Bom esse é meu ponto de vista neh…
    AH E A SENHORA DONA DANY…AINDA NÃO ME ADD…KKK

    • Dany disse:

      Noss, foi mal!! É q é tanto comentario q me perco!! Blá, os pais ficam é com medo de não ter asusnto com os outros pais de filhos heteros, pq não vão poder comentar como foi o casamento que a filhinha fez com um cara q ELES escolheram pra ela ou q o filho pagou de garanhão e já pegou e aprontou muito, o suficiente pra decidir ter uma esposa!!! Não querem ter uma situação “diferente” pra contar, por medo do q os outros vão pensar!! E esse papo de “não quero q vc sofra ´reconceito” não cola pq se eles se preocupam tanto, pq são os primeiros a discriminar, castigar, ofender e tirar o direito de liberdade dos filhos?? Sinceramente, chega a a ser doentio isso, um pouquinoh mais cruel e pior q o preconceito externo!! Pq as pessoas de fora vc nã oconvive, mas com familia vc convive junto todo dia e “nunca perde essa mania”, já dizia os titãs!! Pois é, a familia nunca perde essa manina de se meter na vida dos filhos, e esquece q não s]ao masi crianças e que são eles q tem q decidir o q querem pra vida deles!!

      Gi, me passa seu msn de novo!!

  15. kurunko disse:

    Não falem das minha relações hetero, que dirá as homo…
    Mamãe e papai acham que São donos dos filhos. Acham que sabem o melhor para eles, quando muitas vezes o melhor é aquela brincadeira saudável com o colega da natação ~…~

  16. Bissexual Girl Tequila disse:

    Oi, to sumida mas sempre passo aqui pra dar uma lida. Me identifiquei com o post…
    Minha mãe foi a minha maior decepção, pois ela sempre agiu com naturalidade quanto ao assunto, disse q temos q respeitar os homossexuais e sempre deixava a tv ligada quando passava algo sobre o assunto, parecia até apoiar. Não que fosse a favor, mas parecia entender.
    Quando comecei a gostar da minha ex, tive medo de falar porque ela sempre foi muito protetora e não me deixava sair pra nada. Lembro que uma vez fui fazer trabalho na casa de um menino com mais 2 garotos e uma amiga e minha mãe ficou com medo do que pudesse acontecer. E ela nunca me deixou dormir na casa de amigas, então imagina se eu falo q gosto de meninas também e ela me proíbe até de fazer trabalhos com elas?
    E enquanto eu decidia se contava ou não, pois confiava nela e achava que era minha amiga, ela acabou descobrindo da pior forma possível através de cartas que trocamos. Fiquei bastante chateada primeiro por ela ter mexido nas minhas coisas, o que disse que não fazia – ainda que eu desconfiasse que sim – e depois por ter mentido pra mim. Mas o pior foi ela ter fingido me apoiar só pra saber até onde tínhamos ido. Até que ela começou a me agredir verbal e fisicamente por isso e ainda hoje, 6 anos depois, ela ainda me diz coisas horríveis. Meu pai e irmão souberam também e minha vida virou um inferno: era vigiada o tempo td, liam as coisas que escrevia, me proibiam de sair… enfim, esse é o meu relato, acabou ficando longo, acostumem-se porque sempre escrevo tanto quanto falo.

  17. Hevelyn Hespanhol disse:

    Eu ainda não contei aos meus pais… Tenho pais muito preconceituosos! Esperarei fazer os meus 18 anos, que está perto, para poder contar a caso seja expulsa de casa! Mas, se não fosse por isso já teria contado! Sei que tenho essa coragem.
    Meus pais quando veem casais homos pela TV, criticam, falando que é algo horrível, ridículo. E quando veem que esses casais possuem filhos adotados, dizem que estão com pena dos bebês, pois eles iram crescer e acharem que a vida é assim!
    Uma vez minha mãe estava tirando carteira de motorista, e era uma mulher que estava a ajudando… Minha mãe vivia falando que essa mulher é muito legal, mas nunca viu ela com algum cara.
    Foi que em um dia, as duas estavam conversando sobre algumas dicas para dirigir, e meu pai e um amigo dele foram ver como minha mãe estava se saindo, e quando eles viram quem era a mulher, começaram a falar coisas horrendas sobre ela, pois eles sabiam que ela era lésbica!
    Minha mãe diz que ficou com muita pena dela, pois ela sabia que eles estavam rindo dela, eles estavam falando alto para ela ouvir.
    Mas, depois disso passar, minha mãe ainda fala coisas ridículas sobre isso! E eu sempre critico, falo para deixar o casal viverem felizes! E outras coisas, mas tem certas vezes que não posso defender… Então apenas fico vendo como meus pais são!
    Teve uma vez que eles estavam lendo a bíblia junto com meu cunhado, e eles viram a parte que toda pessoa que se envolve com outra do mesmo sexo deve ser enforcadas! Uma outra vez, falaram que é uma doença!
    Sinceramente, fico chateada com tudo isso… Mas, mesmo eles sendo assim, irão ter que me aceitar, nem que essa luta dure anos! ^^, beijocas gente!

    • Dany disse:

      O “cristão” que diz q gays,. lésbicas e bissexuais merecem morrer, NÃO´É um cristão e sim um tirano.

      • Hevelyn Hespanhol disse:

        Olá Dany!… Bem, eu acredito que não seja para tanto! Dá vontade pra falar que todos que sejam assim morram! Mas… A minha melhor amiga e amigo são evangélicos, e os meus outros amigos e a minha outra amiga são católicos!
        Então, acredito que depende muito de cada pessoa, correto?
        Pena que nem todas as pessoas sejam como meus amigos! ^^

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s